Menu Fechar

Entropion

Aetiologia

Rotação para frente do tarso e margem da tampa, fazendo com que as pestanas entrem em contacto com a superfície ocular

A maioria dos casos tem uma única etiologia mas alguns são multifactoriais

Involucional (relacionado com a idade)

  • causa comum da entropionagem, afecta a tampa inferior (ocorre em aproximadamente 2% da população idosa)
  • pode ser intermitente
  • resultados de uma combinação de degenerações relacionadas à idade
    • l>laxidade da tampa horizontal resultante do afinamento e atrofia do tarso e dos tendões cantais
    • fraqueza dos retractores da tampa inferior
    • sobreposição do pré-termo sobre a porção pré-tarsal do músculo orbicularis oculi, na margem da tampa. Isto causa rotação interna da placa tarsal no fechamento da tampa

cicatricial

    li>seversa cicatrização e contração da conjuntiva palpebral puxa a margem da tampa para dentro (blefarite crônica, pênfigoide cicatricial ocular, Síndrome de Stevens-Johnson, tracoma, queimaduras químicas, complicação pós-operatória)

Spastic

  • causado pela contração espástica do músculo orbicularis desencadeada por irritação ocular (incluindo cirurgia) ou devido a blefaroespasmo essencial. Geralmente se resolve espontaneamente uma vez que a causa tenha sido removida

Congenital

    >li> entropionagem muito rara da tampa inferior devido à fixação inadequada dos músculos retratores na borda inferior da placa tarsal

Factores predisponentes

Age-alterações degenerativas relacionadas na tampa
Doença cicatrizante severa que afecta a conjuntiva tarsal
Irritação muscular ou cirurgia anterior

Sintomas

Sentimento corporal estranho, irritação
Red, olho lacrimejante
Vibração da visão

Sinais

p>P>Perturbação epitelial corneana e/ou conjuntival por abrasão pelas pestanas (ampla gama de gravidade)
Hiperaemia conjuntival localizada
Laxidez da tampa (involutiva entropion)
Conjunctival scarring (cicatricial entropion)
Absence of lower lid crease (congenital entropion)
Distraction test

  • if lower lid can be pulled >6mm from globe, it is lax
  • positive test indicates canthal tendon laxity

Snap-back test

  • with finger, pull lower lid down towards inferior orbital margin
  • release: lid should snap back
  • lid slow to return to its normal position: indicates poor orbicularis tone

Test of Induced Entropion (TIE-2 test)

  • ask patient to look down
  • hold upper lid up as high as possible
  • ask patient to close the eyes as tightly as possible
  • The TIE-2 test is positive if this provokes an intermittent lower lid
    entropion

Differential diagnosis

Eyelid retraction (e.g. Graves’ disease):

  • retracted upper or lower lid causes the lashes to be hidden by the resulting fold of lid skin, resembling entropion

Distichiasis:

  • congenital additional row of lashes at the meibomian gland orifices

Trichiasis:

  • lashes arise from normal position but are misdirected towards the cornea, secondary to inflammation

Dermatochalasis:

  • degenerative condition, common in the elderly, leading to baggy appearance due to redundant lid skin and protrusion of orbital fat. Misdirection of lashes of upper lid may resemble entropion

Epiblepharon:

  • congenital condition in which a fold of skin and muscle extends horizontally across the lid margin causing the lashes to be directed vertically. Orientation of tarsal plate normal. Normalmente assintomática e resolve com o aumento da idade

Gestão por optometrista

Os praticantes devem reconhecer as suas limitações e, quando necessário, procurar mais conselhos ou encaminhar o paciente para outro local

Não farmacológico

Formando a tampa para a pele da bochecha, de modo a afastá-lo do globo, pode dar alívio temporário (particularmente para entropionagem involuntária ou espástica)
Epilação dos cílios pode ser feita onde a tricíase é localizada (por exemplo, em entropion cicatricial)
(GRAU*: Nível de evidência=baixo, Força de recomendação=forte)

p>Lentes de contacto terapêuticas (ligadura) para proteger a córnea dos cílios
(GRADE*:: Nível de evidência=baixo, Força da recomendação=baixa)

Farmacológica

Lubrificantes oculares para sintomas relacionados com a deficiência/instabilidade lacrimal (gotas para uso durante o dia, pomada não medicada para uso na hora de dormir)
NB Os pacientes sob medicação a longo prazo podem desenvolver reacções de sensibilidade que podem ser a ingredientes activos ou a sistemas conservantes (ver Clinical Management Guideline on Conjunctivitis Medicamentosa). Devem ser mudadas para preparações não conservadas
(GRADE*: Nível de evidência=baixo, Força da recomendação= forte)

Categoria de manejo

B1: Manejo inicial (incluindo drogas) seguido de encaminhamento de rotina
Entropião congênita não resolve espontaneamente e o potencial para complicações corneanas graves requer encaminhamento para tratamento imediato

Manejo possível pelo oftalmologista

A escolha do procedimento cirúrgico depende da(s) causa(s)

Intervenção cirúrgica é indicada se qualquer uma das seguintes situações for persistente:

  • ocular irritation
  • recurrent bacterial conjunctivitis
  • reflex tear hypersecretion
  • superficial keratopathy
  • risk of ulceration and microbial keratitis

There is evidence that the combination of horizontal and vertical eyelid tightening is an effective treatment for involutional entropion

Evidence base

*GRADE: Grading of Recommendations Assessment, Development and Evaluation (www.gradeworkinggroup.org)

Sources of evidence

Boboridis KG, Bunce C. Interventions for involutional lower lid entropion. Cochrane Database Syst Rev. 2011;(12):CD002221

Hintschich C. Correction of entropion and ectropion. Dev Ophthalmol. 2008;41:85-102

Kennedy AJ, Chowdhury H, Athwal S, Garg A, Baddeley P. Are you missing an entropion? The Test of Induced Entropion 2. Ophthal Plast Reconstruir Surg 2015;31/6:437-9

Síntese da Linguagem Oral

Entropiona é uma condição em que a borda da pálpebra (geralmente a pálpebra inferior) rola para dentro, de modo que os cílios tocam a superfície do olho. A causa mais comum é a perda de elasticidade e tônus muscular das pálpebras, que ocorre como parte do processo de envelhecimento. Também pode resultar se as pálpebras ficarem cicatrizadas após uma inflamação ou lesão. Em muitos países do mundo a entropiona ocorre como uma complicação de infecção repetida pelo agente do tracoma (Chlamydia trachomatis).

O olho afectado torna-se irritável, vermelho e aguado, e a visão pode ficar desfocada. O optometrista será capaz de ver o efeito dos cílios esfregados na superfície do olho e pode ser capaz de determinar a causa. A colagem da borda da pálpebra à pele da bochecha pode dar um alívio temporário, assim como a remoção dos cílios ou a colocação de uma lente de contato com atadura para proteger a superfície do olho do contato com os cílios. Os pacientes podem ser ajudados por lágrimas artificiais e pomadas não medicadas. Estas medidas não curarão a condição, por isso os pacientes são frequentemente encaminhados rotineiramente ao oftalmologista para consideração de cirurgia, geralmente sob anestesia local, o que pode resolver o problema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *